Blog Carratu

COMO REDUZIR A VELOCIDADE DA PÁGINA PARA MELHORAR MEU SEO?

 

Como reduzir a velocidade da página para melhorar meu SEO

Será que a velocidade da página interfere tanto assim quando se fala de SEO? A velocidade da página desempenha um papel crucial na otimização para mecanismos de busca (SEO). Quando um usuário realiza uma pesquisa, ele espera obter informações rapidamente. 

Páginas lentas proporcionam uma experiência desfavorável ao usuário, levando a taxas mais altas de rejeição. Os mecanismos de busca, como o Google, reconhecem a importância da experiência do usuário e, por isso, consideram a velocidade da página como um fator relevante para o ranqueamento. 

Uma página que carrega rapidamente é um diferencial para se posicionar à frente de concorrentes com conteúdo semelhante, mas com velocidade inferior. Além disso, em um mundo crescentemente móvel, a agilidade de carregamento se torna ainda mais crucial, pois conexões móveis nem sempre são tão rápidas quanto conexões fixas. 

Quer saber como otimizar a velocidade da sua página? Conheça nosso artigo repleto de dicas práticas para melhorar esse aspecto vital do SEO: a velocidade da página!

Aproveite para iniciar sua estratégia de Inbound Marketing

Como otimizar a velocidade da página?

Confira abaixo quais são as dicas da Carratu para quem deseja reduzir o tempo de carregamento, a fim de melhorar a velocidade da página. 

Otimize imagens e gráficos

A otimização de imagens e gráficos é um dos aspectos mais lembrados para acelerar o carregamento de uma página. Muitas vezes, as imagens são responsáveis pela maior parte do tamanho total da página. Primeiro, escolha formatos adequados – por exemplo, use PNG para gráficos com menos cores e JPEG para fotografias. 

Em seguida, utilize ferramentas como TinyPNG ou ImageOptim para compactar as imagens sem perder qualidade. Finalmente, considere a implementação de imagens responsivas usando a tag “srcset” para fornecer tamanhos diferentes de imagens com base no dispositivo do usuário.

Minimize e compacte arquivos CSS e JavaScript

Arquivos CSS e JavaScript tornam-se volumosos com o tempo, impactando a velocidade de carregamento. Para optimizá-los, utilize ferramentas como UglifyJS para JavaScript e CSSNano para CSS. Estas ferramentas removem espaços desnecessários, comentários e otimizam o código.  

Utilize cache do navegador

O cache do navegador permite que os visitantes do site armazenem arquivos temporariamente em seus dispositivos. Ao retornar ao site, eles não precisarão baixar os mesmos arquivos novamente, acelerando, assim, a velocidade da página. 

Para implementar isso, configure cabeçalhos HTTP de cache em seu servidor, definindo uma data de expiração para recursos estáticos como imagens, CSS e JavaScript.

Reduza o número de redirecionamentos

Redirecionamentos adicionam tempo extra ao carregamento da página porque forçam o navegador a fazer uma solicitação HTTP adicional. Sempre que possível, evite-os. Faça um audit em seu site para identificar e remover redirecionamentos desnecessários. Também, atualize links antigos para apontar diretamente para a URL correta.

Limpe o código HTML e remova elementos desnecessários

Um código HTML desordenado resulta em atrasos de carregamento. Regularmente, passe por seu código para eliminar espaços vazios, tags não utilizadas e comentários desnecessários. Ferramentas como HTMLMinifier ajudam nesse processo. 

Além disso, remova quaisquer scripts, widgets ou elementos que não são mais relevantes para o conteúdo ou funcionalidade da página.

Escolha um servidor de hospedagem rápido

A velocidade e confiabilidade do seu servidor desempenham um papel crucial no tempo de carregamento. Selecione um provedor de hospedagem conhecido por sua velocidade e uptime. 

Além disso, considere planos de hospedagem que ofereçam recursos dedicados, como CPU e RAM, para garantir que seu site permaneça ágil mesmo sob tráfego pesado.

Implemente o lazy loading para carregar imagens sob demanda

O lazy loading permite que as imagens sejam carregadas apenas quando estão prestes a aparecer na viewport do usuário. Os usuários não precisam esperar que todas as imagens sejam carregadas ao abrir uma página. 

Bibliotecas como Lozad.js ou a própria funcionalidade de “loading=lazy” no HTML são ótimas para implementar essa técnica.

Reduza o uso de plugins e scripts externos

Embora plugins e scripts possam adicionar funcionalidade ao seu site, eles também aumentam o tempo de carregamento. Analise regularmente os plugins e scripts que você está usando, remova aqueles que não são essenciais e procure versões mais leves ou otimizadas dos que são necessários.

Utilize CDN (Content Delivery Network) para distribuir conteúdo globalmente

Um CDN entrega o conteúdo do seu site a partir de servidores localizados perto dos usuários, reduzindo a latência. Ao usar um CDN, arquivos como imagens, CSS e JavaScript são replicados em vários servidores ao redor do mundo, garantindo que os usuários recebam dados do servidor mais próximo.

Melhore a velocidade de resposta do servidor

O tempo que leva para o seu servidor processar uma solicitação também afeta a velocidade de carregamento. Monitore regularmente a velocidade de resposta do seu servidor. Se notar lentidão, considere otimizações como o uso de HTTP/2, otimização de bancos de dados ou a implementação de um sistema de cache no servidor, como Varnish ou Memcached.

Plugins para melhorar carregamento do site e descobrir velocidade da página

Reduzir o tempo de carregamento de um site é essencial para otimizar a experiência do usuário e melhorar a visibilidade nos mecanismos de busca. Para calcular a velocidade da página, indicamos o Pagespeed do Google!

Leia também:  PROFISSIONAL DE MARKETING: DESAFIOS NO DIGITAL

Para isso, vários plugins se destacam na missão de tornar sua página mais rápida organicamente:

  • W3 Total Cache: ele armazena versões estáticas de seu site, reduzindo o tempo necessário para o servidor processar solicitações. Simplesmente instale o plugin, ative-o e configure de acordo com as recomendações sugeridas para ver melhorias significativas.
  • Smush Image Compression and Optimization: a otimização de imagem é crucial para acelerar a carga de página. O Smush identifica e comprime imagens automaticamente sem perder qualidade. Após instalar, configure para que as imagens sejam comprimidas automaticamente ao serem carregadas.
  • Autoptimize: este plugin agrega e minimiza scripts e estilos CSS, otimizando o código HTML do seu site. Com uma instalação fácil, ele compacta e combina arquivos para reduzir o número de solicitações HTTP.
  • Lazy Load: como o nome sugere, possibilita o carregamento preguiçoso de imagens, garantindo que apenas as imagens visíveis na tela sejam carregadas. À medida que o usuário rola a página, as imagens são carregadas, reduzindo o tempo inicial de carregamento.

Conclusão: A otimização da velocidade do site não é apenas uma questão de estética ou conveniência; é crucial para a retenção de usuários e SEO. Aproveite estes plugins para obter o máximo de desempenho e melhorar a experiência do usuário!

Se você busca uma solução personalizada e completa para o desempenho do seu site, venha conhecer a Carratu. Somos especialistas em SEO e oferecemos soluções adaptadas às suas necessidades. 

Solicite um orçamento ao entrar em contato com WhatsApp e veja como podemos impulsionar o desempenho do seu site ao próximo nível!

Foto de carratu

carratu

20 anos de experiência em Marketing Digital, totalmente dedicado a guiar empresas de médio e grande porte para o melhor resultado de Vendas com o apoio do Inbound Marketing e o Google Ads.Quer saber quem faz a diferença no Nordeste, pesquise no Google.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Não encontrou o que busca?