Quando o assunto é tráfego orgânico, torna-se primordial entender o seu funcionamento a fim de tirar máximo proveito dos benefícios que o marketing digital pode trazer ao seu negócio. Sua principal vantagem reside no fato de que não depende de anúncios pagos para gerar resultados, fazendo com que seja possível otimizar seus investimentos sem depender de propagandas o tempo todo.

Se você ainda não sabe bem do que estamos falando, continue lendo e compreenda, de uma vez por todas, a importância do tráfego orgânico. Boa leitura!

Não tem custo direto

Conforme adiantamos brevemente na introdução, o tráfego orgânico pressupõe um alcance consentido da sua publicação até o usuário de Internet, ou seja, ele próprio é quem vai buscar o que você oferece. Para isso, é importante que você esteja estrategicamente posicionado nas páginas de busca, e que o seu conteúdo acompanhe as palavras-chave mais usadas pelos consumidores quando querem encontrar aquilo que você produz.

Digamos que você esteja no ramo hoteleiro no Nordeste do Brasil, e que as palavras-chave para seu campo de atuação no mercado sejam “hóteis para se hospedar no Nordeste”. Você terá que trabalhar o seu website e seu blog para que esses termos estejam presentes em suas páginas e postagens. Só assim, será possível que o Google Bot, robô do Google que faz a varredura de todo o conteúdo disponível na Internet, encontre as suas publicações e apresente-as no buscador.

A principal forma de fazer isso sem depender de anúncios pagos é por meio de um conjunto de técnicas para otimização de motores de busca chamado SEO (Search Engine Optimization). Algumas de suas estratégias para melhor posicionar o seu site e fazê-lo aparecer na primeira página de resultados são:

  • utilizar alt-text nas imagens da sua página para que o Google Bot seja capaz de ler esses arquivos como texto;
  • aplicar estrategicamente as palavras-chave na descrição do site, nas postagens e nos demais conteúdos que possam compor a página;
  • fazer a construção interna e externa de links a fim de dar maior respaldo às publicações e aumentar sua relevância na Internet;
  • produzir conteúdo bem redigido e de qualidade com mais de 300 palavras, já que textos muito curtos podem ser superficiais e não serão bem-vistos pelos motores de busca.

Existem centenas de técnicas de SEO, e as quatro acima que citamos são apenas pontos norteadores dessa ferramenta. Procure dominá-las e ainda desenvolver outras para trazer maior autoridade à sua presença digital.

Grande parte das pessoas se importa apenas com a primeira página de resultados

Bom, você pode estar se perguntando: mas, qual a razão de todo esse esforço para estar na primeira página de resultados? A resposta é bem simples e direta: já se sabe, hoje, que 70% das buscas geram cliques em resultados orgânicos da primeira página. Esse é um dado revelador por dois motivos: primeiro, demonstra que não basta manter anúncios pagos em motores de busca para atingir esses usuários, e segundo, deixa clara a importância de você estar na primeira página de resultados.

Há quem brinque que se você quiser esconder algo é só colocar na segunda página de resultados porque ninguém vai até lá. Exageros à parte, é essencial que você não perca mais tempo escondido e comece a construir formas de ser visto pelo seu público.

Ainda que muitas plataformas, como o Facebook, venham exigindo, cada vez mais, que as empresas invistam em anúncios pagos, se quiserem ter um grande alcance, o tráfego orgânico associado aos motores de busca apresenta a grande vantagem de não seguir essa lógica.

Aproveite isso para rever suas estratégias de marketing digital e começar a fazer algo que realmente traga os resultados almejados.

Produção de conteúdo de interesse para personas

Ao longo deste post, falamos algumas vezes sobre produção de conteúdo, não é mesmo? Pois bem, saiba que os blogs, hoje, são uma grande ferramenta nesse quesito e que, para além deles, você pode entender que conteúdo é tudo o que é postado na Internet. Esse entendimento mais amplo o permitirá ser estratégico em todas as plataformas, gerando informação que realmente atenda aos interesses da persona que o seu negócio objetiva alcançar.

Mas, o que é persona? Bom, personas são personagens semifictícios que lhe darão uma visão mais precisa de quem é o seu cliente ideal. Repare bem que dissemos “semifictício”, o que implica que você não deve basear a criação desse personagem apenas em sua imaginação e tino comercial. Para fazer isso assertivamente, é necessário haver pesquisa, conhecimento do mercado e algum domínio sobre marketing digital.

Se você fizer esse trabalho e tiver esse know-how, poderá conceber, de forma fidedigna, quem é o seu cliente. Só para se ter uma ideia de como descrever uma persona, imaginemos o exemplo abaixo:

Maria, 40 anos, casada, 2 filhos. Empresária da capital paulista que tem um dia a dia corrido e atribulado com pouco tempo para o marido e os filhos, mas que dispõe de dois períodos de férias ao ano. Nesses momentos, o que ela busca é recuperar o tempo distante da família, fazendo uma boa viagem ao litoral, sobretudo, no Nordeste brasileiro, onde encontra belíssimas praias. Quer desfrutar desse bom momento com a família nas próximas férias.

Fazendo isso, você pode começar a planejar a sua produção de conteúdo, guiando-se por algumas questões, como:

  • quais temáticas seriam interessantes trabalhar no meu blog para chamar a atenção de Maria sem que eu precise falar diretamente sobre o meu negócio?
  • de quais formas posso utilizar as redes sociais para potencializar as publicações do meu blog?
  • quais tipos de conteúdo eu posso produzir diretamente para as redes sociais sem depender do meu blog e que chamaria a atenção de Maria para o meu negócio?
  • como posso utilizar as estratégias de SEO para ampliar o alcance da minha produção de conteúdo?

Essas são apenas perguntas básicas que o ajudarão a ter maior clareza sobre como ser efetivo nessa estratégia de marketing digital. Planeje-se para ir mais longe.

Maior credibilidade e engajamento com o público

Mesmo que o seu empreendimento dispusesse de uma receita elevada, não seria inteligente depender sempre de anúncios pagos para produzir resultados, concorda? Além disso, se você desenvolve ações eficientes para o crescimento e o estabelecimento do tráfego orgânico nos sites e plataformas nas quais atua, passa a ter maior credibilidade com o público.

Essa credibilidade leva, inevitavelmente, a um maior engajamento, já que as pessoas confiarão mais no que você oferece e estarão mais dispostas a bem-dizer e compartilhar aquilo que você produz. Sendo assim, você entra em uma espiral de crescimento na qual quanto mais conteúdo estratégico e de qualidade oferece, mais o seu negócio cresce.

É essa autoridade que pode ampliar e sustentar o seu empreendimento no meio virtual, fazendo com que suas ações de marketing alcancem mais do que realizações pontuais dependentes de anúncios pagos.

Se gostou de saber o que é tráfego orgânico e a importância de entendê-lo, aproveite também para desmistificar algumas noções errôneas de marketing de conteúdo.

Comentários