Uma das estratégias digitais mais usadas no mercado corporativo, o e-mail marketing, oferece uma comunicação direta entre a sua empresa e o público. Além de não ser invasivo, o e-mail dá a liberdade para o prospect ler no melhor horário dele. Você ainda consegue saber quem recebeu, abriu e clicou nas mensagens enviadas.

As campanhas de e-mail costumam ter um excelente custo benefício, que é monitorado por métricas adequadas ao objetivo da estratégia. Associando os diversos tipos de e-mail como a newsletter, onde você conta as novidades da empresa e conteúdos relevantes para sua lista, é possível engajar sua audiência, demonstrando que você se importa com o cliente.

Se você deseja melhorar a performance das suas campanhas, criando e-mails com potencial de aceitação e compartilhamento, acompanhe esse post. Nós separamos 8 segredos para garantir campanhas de e-mail marketing de alto impacto. Confira!

1. Segmente sua base de dados

A importância de entender quem é o seu público-alvo, criando a persona da sua empresa, é fundamental. Você também consegue aumentar as conversões da sua lista segmentando-a. Desse modo é possível personalizar as suas mensagens, otimizando o relacionamento. Experimente separar os e-mails pelo estágio do cliente no funil de vendas, preferência por assuntos e produtos já adquiridos na sua empresa.

Por serem enviadas para toda a audiência, as newsletters costumam ser mais genéricas. Com elas você consegue informações importantes sobre seu leitor. Observe o assunto que desperta mais interesse. Segmente seus leads de acordo com os links que eles clicam. Como um jornal que tem diversas seções, ofereça conteúdo para todos os nichos que seu negócio abrange.

2. Adote um tom mais pessoal

Nem informal demais, nem formal o suficiente para ser confundido com um robô. Defina o tipo de linguagem e o tom que sua marca adotará. As pessoas querem manter a conversa com outras pessoas e o tipo de linguagem pode mostrar essa intimidade. Crie abertura para um relacionamento da sua empresa com o usuário e melhore a experiência dele com a forma como você fala.

De qualquer modo, fique atento para não exagerar na informalidade. Erros de digitação e ortografia podem passar uma imagem de desleixo. Entenda também qual o motivo do e-mail e adapte a linguagem com a finalidade do envio. Lembre-se de ser coerente, padronizando o tipo de linguagem usada no e-mail.

3. Valorize quem está lendo seu e-mail marketing

Se alguém assinou para receber informações da sua empresa, isso expressa interesse. E como você consegue mostrar o mesmo? O primeiro passo deve ser levando conteúdo relevante para seu público, você pode fazer isso usando o conceito da nutrição de leads. Outro ponto está em demonstrar que você se importa.

Criar um banco de dados com datas como aniversário e ter uma campanha voltada para datas comemorativas é uma forma simples de fazer isso. Você também pode criar mensagens para acompanhar o pós-venda com materiais que ajudam seu cliente a usar o serviço ou produto adquirido.

4. Faça testes A/B

Com a facilidade de monitorar as campanhas digitais, você pode melhorar os resultados do seu e-mail marketing usando testes A/B. Crie assuntos diferentes para uma mesma mensagem e observe qual converte mais. Sua lista abre seus e-mails, mas não clica nos links? Desenvolva estratégias diferentes.

Muitas vezes, o que funciona para um grupo da sua lista pode não ser tão atrativo para outro segmento. Algumas variáveis que você pode testar:

  • assunto do e-mail;
  • uso de imagens;
  • padronização de cores;
  • incluir um e-mail dentro da campanha, como no caso de abandono de carrinho;
  • apresentação dos links, no corpo do texto ou em alguma imagem, por exemplo;
  • tipo de CTA (chamada para a ação).

5. Crie modelos para e-mails recorrentes

Na comunicação com o usuário, uma empresa conta com muitos tipos de e-mails diferentes. Criar um modelo facilita a produção e confere uma identidade as suas mensagens. Além do tipo de saudação e assinatura, você pode usar um template visual e estabelecer o tamanho aproximado da mensagem.

As ferramentas de envio de e-mail normalmente oferecem modelos para que você use em suas campanhas. Caso você não conte com uma equipe de marketing e decida adotar esses padrões, procure manter a identidade dos e-mails pelo tom das cores e tipo de traço dos elementos visuais.

6. Use botões no e-mail marketing

Normalmente usados nos e-mails promocionais, os botões aumentam a taxa de cliques de um e-mail. Eles criam um contraste em relação ao corpo da mensagem. Teste quais cores e formatos têm melhor desempenho com os seus usuários.

7. Peça ajuda e faça pesquisas

Além de gerar o gatilho mental da reciprocidade, enviar um e-mail pedindo ajuda tem maior taxa de abertura. Crie proximidade com a sua audiência e ative no seu lead a vontade natural de contribuir. Melhore o engajamento com o seu público ao mesmo tempo em que você consegue informações valiosas sobre ele.

Formule perguntas para descobrir como você pode entregar algo de valor para a sua persona, quais seus problemas e que sonhos ela quer alcançar. Saiba também qual é a frequência e o tipo de e-mail da sua empresa ela quer receber. Se possível, presenteie quem responder suas enquetes. Pode ser um ebook ou o sorteio de um produto.

8. Aposte na automação

Imagine atender de forma personalizada cada cliente, de acordo com seu estágio no ciclo de compras? O processo que viabiliza isso se chama automação e consiste em criar uma automatização do envio de acordo com os parâmetros que você estabelecer. Tenha cuidado para não deixar as mensagens frias demais.

Você pode oferecer um ebook relevante para toda pessoa que entrar para sua lista ou enviar um cupom de desconto para os leads que abandonarem o carrinho de compras. Além da jornada do cliente, automatize as mensagens de datas comemorativas e de acordo com os interesses de conteúdo e, é claro, dos seus produtos e serviços.

Viu como você consegue melhorar suas campanhas de e-mail marketing com algumas ações simples? Leve sempre em consideração que existe um cliente para quem você está direcionando a sua mensagem. Quanto mais próximo e pessoal você puder manter o tom, sem exagerar, melhor. Além disso, como você conferiu, a automação ajuda a entregar mensagens ainda mais personalizadas para cada lead.

Gostou das dicas desse post para melhorar a performance das suas campanhas de e-mail marketing? Siga a gente no Facebook e aproveite muito conteúdo relevante que nós desenvolvemos para que o seu negócio alcance os melhores resultados!

Comentários